Saiba como conhecer seus concorrentes para criar estratégias mais efetivas

Conhecer seus concorrentes é essencial para a empresa crescer. Veja como usar isso a favor do seu negócio.

17/02/2020 às 9:00

Conhecer os concorrentes da sua empresa, tanto diretos quanto indiretos, é essencial para os seus negócios. Neste artigo mostramos como você pode fazer isso de um jeito bastante consistente. Você verá:

  • A importância de conhecer seus concorrentes.
  • O que são concorrentes diretos e indiretos.
  • Como construir uma listagem com os seus concorrentes.
  • De quais maneiras é possível avaliá-los.
  • E, por fim, como você pode usar as informações coletadas a favor do seu negócio.

Você já parou para pensar se conhece os seus concorrentes? Pois saiba que é essencial saber quem eles são e monitorá-los. Analisar características como as estratégias de comunicação, como abordam o cliente e de quais maneiras apresentam os produtos, por exemplo, é fundamental.

Assim, você consegue ter uma visão de mercado mais ampla, prever algumas ações que podem ser feitas e se tornar competitivo, característica essencial para qualquer empresa.

equipe de trabalho reunida. Uma mesa de madeira com cadernos e computadores em cima. Homem está anotando coisas no papel.
Estudar os seus concorrentes é essencial para compreender o mercado e analisar possibilidades de melhoria no seu negócio. Foto: Divulgação.

Antes de falarmos como você pode, efetivamente, conhecer os seus concorrentes, é importante você saber que existem dois tipos. Um é o direto, que oferece os mesmos produtos que a sua empresa. Já o outro é o indireto, que não tem a mesma oferta, mas busca o mesmo público. Portanto, é possível duas empresas serem concorrentes sem venderem o mesmo item.

Como identificar os concorrentes?

O primeiro passo é fazer uma lista. Você precisa ter tudo isso catalogado para, depois, traçar as melhores estratégias. Além disso, analise o mercado como um todo. Para isso, você precisará do apoio de algumas plataformas e veículos de informação. Portanto, crie o hábito de ler jornais, revistas e sites sobre o universo empresarial.

Você conseguirá identificar os concorrentes a partir desses canais. Além disso, converse com a sua equipe de colaboradores, participe de cursos, reuniões, workshops e o que mais conseguir para se manter atualizado. Assim, você terá os insumos necessários para criar a sua listagem.

Concorrentes: mulher com um celular na mão e uma caneta em outra mão, anotando coisas em um caderno.
Seguir os concorrentes nas redes sociais é um ótimo começo. Foto: Divulgação.

Assim que identificar os concorrentes, de acordo com os dois perfis que falamos, você deve começar a segui-los nas redes sociais. É uma forma bastante eficiente e rápida de estar sempre de olho no que eles têm feito. Afinal, o celular está sempre nãos mãos, o que facilita o acesso a qualquer tipo de conteúdo.

Visite também os sites para ver como os produtos são dispostos e qual é a linguagem dessas empresas com os clientes. Isso é muito importante. Dê um passo além e a assine também a newsletter. Assim, você estará sempre bem informado.

Aliás, além das companhias brasileiras, analise também as internacionais. Com certeza será uma boa fonte de conteúdo e inspiração.

Não pare no universo virtual

Você deve avançar para conhecer os seus concorrentes a fundo. O mais indicado é ir até o local ou então visitar o e-commerce para fazer uma compra. Veja como é o atendimento, de quais maneiras o envio é feito, se tem falhas, se é eficiente. Seja bastante observador em todo o processo.

Aproveite essa experiência para fazer perguntas específicas para o atendimento, por exemplo, se você tem dúvidas em relação à alguma etapa. Ou seja, comporte-se como um cliente para sentir, de maneira real, o que um consumidor sentiria.

De volta à listagem

Já com as empresas definidas e analisadas, é interessante fazer uma lista dos pontos positivos e negativos de cada uma. É uma boa maneira de você identificar, na sua empresa, quais aspectos pode melhorar.

Conheça os segredos para ser uma startup de sucesso!

Também é uma forma bastante eficiente de verificar de quais formas a sua empresa pode se destacar nesse mercado. A partir da análise e da sua experiência como consumidor, você consegue ter uma base para apostar em ideias criativas, aprimorar o atendimento, ver se falta algo na logística e por aí vai.

Mulher trabalhando. Uma mesa, com computador e caderno sobre a superfície.
Faça uma experiência de compra real e analise todos os aspectos. Foto: Divulgação.

Portanto, a análise da concorrência é tão importante quanto o plano de negócio. Inclusive, dá insumos para tomadas de decisão que podem mudar o rumo da empresa.

Recursos humanos

Uma boa maneira de trazer mais conhecimento e experiência para a sua empresa é verificar se os candidatos às vagas da sua já tiveram passagem pela concorrência. Aliás, fique de olho nos perfis que são interessantes para você. Certamente eles irão contribuir bastante com uma visão crítica com base em processos diferentes, mas que eram voltados para o mesmo público.

E aí, animou-se para fazer a listagem e analisar a concorrência? Sem dúvidas é um ótimo caminho para entender melhor o mercado e aprimorar os seus serviços.

Homem olhando para um mural de papéis.
Fique de olho no mercado. Contratar profissionais com experiência na concorrência é uma ótima ideia. Foto: Divulgação.

Aliás, já que estamos abordando o tema aqui, já adiantamos que é uma excelente ideia entender como oferecer uma experiência digital para os seus clientes.

Então, aproveite e veja também como pequenas e médias empresas podem ser 4.0. Além disso, mais uma vez, a sua companhia por aqui! Até as próximas leituras!

Compartilhe este conteúdo!

campo obrigátório

Enviamos conteúdos do seu interesse para seu e-mail, cancele a qualquer momento.

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio